Roubo de cargas: como aumentar a segurança nas entregas

Segurança nas entregas é um fator fundamental do processo logístico. E para quem está em campo, uma das questões mais desafiadoras relacionadas a esta frente é o roubo de cargas. Além do prejuízo à empresa, os danos podem acontecer até mesmo ao bem-estar do motorista. O problema, infelizmente, é comum no Brasil. Dados de 2019, por exemplo, mostram que houve mais de 18 mil casos de roubos de cargas em rodovias brasileiras. O levantamento é da NTC&Logística. No ano anterior, o número superou os 20 mil casos.

Ao analisar este problema e todo o prejuízo que ele traz para o negócio, fica a dúvida: afinal, como aumentar a segurança no meu processo de entregas? Neste post trazemos algumas dicas de ouro sobre o assunto, confira!

 

Invista em boas práticas

Quando o assunto é segurança nas entregas, o prejuízo não está ligado apenas às perdas materiais. Afinal, é o motorista que coloca sua vida em risco se não estiver bem orientado quanto a esse tipo de situação. Portanto, uma das primeiras iniciativas para manter a segurança da equipe é criar diretrizes de boas práticas na rotina de trabalho.

É essencial orientar os motoristas sobre como agir caso sofram roubo de cargas. Esse tipo de ocorrência acontece com mais frequência em vias de pouco movimento, em horários de baixa circulação. E profissionais que acabam forçados a realizar paradas não programadas, por conta de um problema mecânico, por exemplo, ficam muito suscetíveis a roubos. Oriente sua equipe a buscar locais seguros de parada e a manter a comunicação com a central, informando qualquer intercorrência. Fundamental também é não reagir a uma abordagem criminosa e preservar, acima de tudo, a vida.

Ainda em relação às boas práticas, a manutenção preventiva da frota é um fator essencial para manter a segurança das entregas. Caminhões com revisão em dia dificilmente passarão por alguma pane ou dano que force o motorista a uma parada. Portanto, controlar os períodos de revisões e realizá-las sempre que necessário é um fator indireto muito importante na relação da segurança das entregas.

 

Crie rotas seguras e otimizadas

Você sabia que a tecnologia é a sua melhor aliada para evitar vias perigosas? Uma boa solução de roteirização proporciona a organização das entregas conforme indicadores criados pela empresa. Entre eles pode estar, por exemplo, o bloqueio de vias mal sinalizadas, consideradas perigosas ou em péssimo estado de conservação. Além de evitar danos ao veículo, uma frota que evita esse tipo de trajeto é mais segura e eficiente.

Ou seja: o roteirizador não proporciona apenas a criação da rota mais barata, mas a com melhor custo-benefício, levando em consideração todos os custos e ainda a segurança. Evitar o roubo de cargas com esse tipo de solução é muito mais fácil e eficiente.

 

Mantenha um canal de contato sempre aberto

Quando sofre algum dano, especialmente relacionado à segurança, o motorista fica à mercê da própria sorte. No entanto, se houver um monitoramento constante do deslocamento, a central identifica em tempo real qualquer parada imprevista e consegue acionar o motorista ou o órgão de segurança mais próximo. Essa agilidade na tomada de decisão pode, inclusive, salvar vidas.

Outro fator crucial para a segurança das entregas é utilizar um software logístico que permita a comunicação entre frota e central. Além de receber alertas automáticos, o próprio motorista pode comunicar alguma intercorrência para o time de monitoramento.

banner monitoramento de entregas

Com estas iniciativas não é apenas a carga que estará segura, reduzindo custos com perdas em roubos, mas também a equipe. Afinal, é fundamental que o processo logístico ocorra com segurança.

Quer saber mais sobre o monitoramento de entregas e como a tecnologia é uma aliada neste processo? Nossos especialistas estão à disposição para um bate-papo sobre o assunto. Entre em contato e vamos trocar ideias!

 

Crédito de imagem: unsplash/CC

Já conhece nosso Podcast? Vem tomar um café com a gente!​

comentários comentários

Recomendamos para você:

Como enfrentar as dificuldades nas comparações de tabelas de fretes

Das atividades que são responsabilidade do gestor de logística, uma das mais complexas é a análise...

Como está seu planejamento logístico de entregas de final de ano?

O período das entregas de final de ano, que comporta os meses de outubro, novembro e dezembro, é...

Greve dos caminhoneiros: como reduzir o impacto de paralisações

Depois do episódio de 2018, quando o país parou por cerca de 10 dias, novas paralisações entram na...

4 razões para realizar a auditoria de fretes e faturas

Você sabia que a auditoria de fretes e faturas é uma das iniciativas mais importantes para o...
INFOGRAFICO

Receba os melhores conteúdos sobre logística e ​otimize a gestão da sua empresa