KPIs: o que os dados podem fazer pelo seu negócio?

Acompanhar o desenvolvimento da operação e tomar decisões assertivas é essencial para garantir o sucesso dos negócios. Para isso, os KPIs podem ser de grande ajuda. Conheça mais sobre a importância da ferramenta e os benefícios que ela pode trazer para sua gestão com as dicas que separamos abaixo.

Com o mercado cada vez mais competitivo, já não há mais margem para erros. Por isso, contar com o apoio de ferramentas tecnológicas é a opção de gestores que buscam melhorar o desempenho da operação e tomar decisões mais assertivas para o seu negócio.

Ferramentas como o KPI são cruciais neste processo - já que fornecem dados consistentes e possibilitam  a medição dos resultados. Além de auxiliar no controle dos fluxos produtivos, os indicadores também permitem identificar gargalos levando mais eficiência para o desempenho das empresas.

Com um número elevado de informações, é importante saber o que é mais importante para sua operação logística, garantindo que as informações fornecidas permitam acompanhar e medir o sucesso da empresa. Para que você conheça melhor o KPI, seus benefícios e saber como ele pode ser útil para seu negócio, separamos algumas informações importantes. Confira:

Nova call to action

Mas, o que é um KPI?

KPI é um termo que vem do inglês “key performance indicator”, que em português significa indicador chave de performance ou indicador chave de desempenho. Esta ferramenta de gestão reúne informações sobre os mais diferentes pontos dos processos internos de uma organização, permitindo que análises aprofundadas sejam feitas com base em dados confiáveis.

Número de vendas, satisfação do consumidor, redução de custos e uma infinidade de processos podem ser acompanhados pelos KPIs, cabendo ao gestor identificar quais informações são mais importantes para garantir uma boa funcionalidade da operação.

A partir dele, a busca por melhorias dentro das organizações se torna mais facilitada, fazendo com que gestores tomem decisões de uma forma mais rápida e eficaz para o bom desempenho dos fluxos. Portanto, os KPIs precisam garantir:

  • Mensuração: por meio de números absolutos ou porcentagens é possível realizar a comparação e a análise de dados, verificando onde é necessário demandar mais atenção. Além disso, um bom KPI também apresenta soluções por meio da percepção sob os fluxos, indicando a hora certa de fazer escolhas;
  • Periodicidade: com o acompanhamento constante dos resultados, é possível compreender como as mudanças afetam o negócio, visualizando o que funciona - ou não - para atingir as necessidades da empresa;
  • Clareza: as informações precisam ser sempre transparentes e acessíveis, dessa forma todos os envolvidos nos processos podem compreender como sua atuação colabora para os resultados, o que fomenta times mais engajados para o sucesso coletivo.

O indicador pode ser executado em todas as pontas da empresa. Dentro de sua operação logística ele pode trazer informações a respeito da satisfação da equipe e do consumidor, ciclo médio de vendas, entregas realizadas dentro do prazo, medir o nível de nível de eficiência do fornecimento de produtos, entre diversos outros dados que sejam relevantes para seu negócio.

Com uma boa aplicação e acompanhamento contínuo, os KPIs permitem otimizar as estratégias adotadas, trazendo um diagnóstico sobre as atividades desenvolvidas. Dessa forma as decisões são tomadas com base no conhecimento aprofundado sobre o negócio, permitindo que a empresa cresça de forma sustentável.

Além disso, outra vantagem importante é a redução de custos. Com dados claros sobre os processos é possível identificar melhorias, realizar ajustes nos fluxos logísticos e atuar de forma preditiva para garantir que a operação seja desenvolvida com qualidade e traga um bom posicionamento no mercado.

 

Onde aplicar os KPIs no seu fluxo logístico?

Como citamos antes, os índices podem auxiliar no monitoramento de diversas partes da sua operação logística. Separamos aqui alguns exemplos de KPIs onde a análise pode ser mais interessante para o seu negócio:

  • Lead time do pedido: aqui os KPIs atuam na verificação de todo o pedido, desde a confirmação até o pagamento e a entrega. Sua utilização é fundamental para garantir melhores resultados, analisar o tempo despendido em toda a operação para garantir que não ocorram atrasos ou problemas técnicos dentro do fluxo logístico;
  • Acompanhamento de custos: a logística é um dos processos mais custosos dentro da cadeia de suprimentos, por isso monitorar os gastos dentro da sua operação é crucial para buscar novas soluções, assertividade nos investimentos e melhorar a organização sem prejudicar a qualidade dos processos;
  • Controle de qualidade: nesse ponto os índices podem averiguar a qualidade das entregas realizadas, acompanhando o número de pedidos efetuados, controle de estoque e outros recursos importantes para garantir que sua operação seja efetiva. Além de ser possível identificar gargalos dentro dos fluxos e atuar na melhoria contínua dos processos;
  • Sell through: esse indicador permite uma avaliação sistemática sobre todas as etapas da cadeia de suprimentos, determinando as vendas registradas e sua frequência em determinado período. É importante para trazer segurança às decisões e controle sob o giro de serviços;

Estes são só alguns dos principais indicadores que podem ser aplicados no fluxo logístico de sua empresa. Outros diferentes indicadores também podem ser medidos para trazer a melhoria contínua da sua operação.

 

Mas atenção...

Com o alto número de informações e as infinitas possibilidades de análise trazidas pelo uso de KPIs é fácil perder o foco sob o que precisa ser analisado. Por isso é importante conhecer seu negócio e saber filtrar qual medição realmente importa de forma significativa para sua empresa.

Existem no mercado diversas opções, que vão desde captação on-line de dados até softwares integrados e de alta tecnologia, por isso é interessante avaliar qual meio pode fornecer análises mais detalhadas e que sejam efetivas para apoiar na tomada de decisão.

Gostou do conteúdo? Então continue lendo aqui sobre “A importância de monitorar e analisar dados na sua operação”!

CTA Chama no Whatsapp Amarelo

https://br.freepik.com/fotos

Já conhece nosso Podcast? Vem tomar um café com a gente!​

comentários comentários

Recomendamos para você:

10 benefícios da roteirização que você precisa saber

Já abordamos aqui no blog a importância da roteirização automatizada e hoje trazemos os benefícios...

Roteirização logística como um diferencial competitivo

Pode-se ter uma ideia de que o processo de roteirização logística no transporte é feito para a...

O que é e quais são as vantagens da logística compartilhada?

A logística compartilhada baseia-se em conceitos já bastante usados no dia a dia das pessoas....

Planejamento logístico: 5 ferramentas para usar 2019

Junto com o fim de ano vem a responsabilidade de fazer o planejamento logístico da sua empresa. É a...
INFOGRAFICO

Receba os melhores conteúdos sobre logística e ​otimize a gestão da sua empresa